sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Papo de filhos: Ninguém liga


Todo mundo tem aquele parente mesquinho que só faz as coisas por interesse. O que fazer com um traste desses? Apenas fingir que não existe?
A verdade é que ninguém liga se você está doente ou não, se você está cansado ou se está feliz ou triste. Apenas querem que você cumpra com suas obrigações e nem sequer perguntam se precisam de ajuda.
Aquele parente que não quer gastar um centavo para ajudar ou pelo menos fazer algo de útil, sem ao menos pedir nada em troca. Sempre tem aquele parente que não faz nada incondicionalmente e isso me irrita. Por que sobrecarregar as pessoas que mais não tem condições de enfrentar as situações ruins?
Quando digo que ninguém gosta de mim, não é uma forma dramática de falar sobre as coisas e sim por que eu digo a verdade e não estou nem aí para o que vão falar. Não sou falsa a ponto de fingir gostar de parente só para manter as aparências. Eu não quero saber, eu me afasto mesmo. Não preciso de gente assim para o meu círculo de amizade. Não vão me preencher. Não vão me ajudar. Eu já tive provas disso e me decepcionei muito. Eu temo por meus pais que ainda se deixam enganar por si mesmos, acreditando que ignorar o que incomoda é a melhor maneira de camuflar as coisas ruins. Eu não consigo entender que tipo de sentimento mantém as máscaras das pessoas, por que elas não consegue enxergar a indiferença e a falsidade?
Me incomoda ter que manter a postura, por isso que eu sempre falo coisas ruins quando me enchem o saco e simplesmente não gostam da minha franqueza. Convenhamos, quem diz o que quer, escuta o que não deve.
Se você se encaixa na classe de parente mesquinho, faz favor? Mude, um dia você pode precisar de ajuda.

Gostou da postagem? Então comente aqui embaixo se você possui um parente assim e se você também costuma falar na cara de todo mundo o que te incomoda? Não esquece de curtir a página e se inscrever no canal ---------->
Beijos galaxicos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da postagem? Então comenta... :D
Agradeço...
beijos galáxicos!