sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Sonho da lágrima

17 de dezembro de 2010

Estava lembrando de uma certa vez quando estava na escola, eu estava sentada junto com meus amigos fazendo trabalho na biblioteca. Quando de repente um dos meus amigos se vira e comenta algo que agora não me lembro, mas sei que, eu virei e perguntei para cada um qual poder os mesmos gostariam de ter. Um deles disse que queria ter o poder de invisibilidade, o outro queria ter o poder de teletransporte as meninas, uma queria passar pela parede e a outra voar. E eu, o poder da cura.
Lembro também que fiquei encrencando com um dos meus amigos, porque ele queria ter o poder do teletransporte e eu queria o da cura, o mesmo ficava dizendo que não servia pra nada.
Embora seja apenas uma vontade ter um poder, eu bem que queria ter neste momento, neste momento em que minhas lagrimas repousam em meu rosto e sonham, apenas sonham com uma possivel solução.
Sabe aqueles momentos em que o coração bate forte e você não consegue se controlar?
é assim que me sinto, porque não sei o que fazer a não ser rezar para que o criador permita que nasça frutos novamente na arvore da minha vida.
Eu amo você e não esqueça que estarei sempre ao seu lado para o que der e vier.



-Se eu tivesse o poder da cura - Disse a lagrima deitada
-O que você faria?- Perguntou os olhos tristes
-Eu me tornava água, para que a boca do enfermo se embebedasse com o milagre de Deus...



Tudo dará certo, eu estarei rezando por você ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou da postagem? Então comenta... :D
Agradeço...
beijos galáxicos!